Notícias | Dia a dia
Matos busca 5º future contra argentino em Rio Preto
22/06/2019 às 14h59

Rafael Matos vive temporada mais sólida

Foto: Nelson Toledo

São José do Rio Preto (SP) - Pelo segundo ano consecutivo, a final do Tennis Classic será definida no clássico Brasil e Argentina. Em 2018, o troféu de campeão foi entregue a Thiago Wild após vencer Camilo Carabelli em seu último título de ITF. Neste domingo, a partir das 10h30, será a vez de Rafael Matos representar o tênis brasileiro contra Juan Pablo Ficovitch, o número 1 do torneio. A entrada é gratuita no Harmonia Tênis Clube.

Em busca do quinto troféu de nível future, Matos fez frente a Oscar Gutierrez, anotando parciais de 7/5 e 6/1, e amplioou o retrospecto direto para 5 vitórias em 6 jogos. O gaúcho, que precisou evitar set point na primeira parcial, acredita ter alcançado um novo patamar de resultados neste primeiro semestre.

"Tem sido um belo ano, a melhor sequência de resultados da minha carreira. Sempre fazia uma boa campanha, mas na semana seguinte eu já não conseguia manter o mesmo nível. Vejo que era isso o que me faltava para melhorar no circuito", analisa Matos, dono de três finais e um título em 2019.

Ao longo desta semana, o argentino Ficovitch derrotou três brasileiros em sua caminhada rumo à decisão. João Hinsching e Christian Oliveira caíram nas oitavas e quartas, respectivamente, e nesta manhã foi a vez de Felipe Meligeni Alves ser a vítima do argentino de 22 anos, que fechou com placar de 7/5 e 6/1. O confronto deste domingo é inédito e irá premiar o campeão com 10 pontos no ranking da ATP, além de US$ 2.160.

"Estou contente por conseguir jogar de forma confiante, me manter mentalmente forte nas situações adversas e por chegar à final. Disputar uma decisão é sempre o mais motivante no tênis. Sei que o público estará totalmente a favor do tenista da casa, mas farei de tudo para sair campeão", afirma Ficovitch, campeão há um mês do ITF de Brcko, na Bósnia.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis