Notícias | Dia a dia
Finalista em Queen's, Simon larga bem em Eastbourne
25/06/2019 às 17h31

Simon já venceu seis jogos na grama este ano

Foto: Divulgação

Eastbourne (Inglaterra) - Dois dias depois de jogar uma final de ATP 500 na grama do tradicional Queen's Club, em Londres, Gilles Simon estreou no ATP 250 de Eastbourne. O experiente francês de 34 anos conseguiu mais um bom resultado e derrotou o norte-americano Tennys Sandgren por 7/5 e 6/1.

Das dezenove vitórias obtidas por Simon na temporada, seis foram conquistadas nessa curta série de torneios na grama. O ex-número 6 do mundo aparece atualmente no 25º lugar do ranking mundial e ganhou 13 posições na última segunda-feira depois de ter feito uma excelente campanha na semana passada.

Simon enfrenta nas oitavas de Eastbourne o jovem chileno de 23 anos Nicolas Jarry, 55º do ranking, que venceu um confronto sul-americano contra o uruguaio Pablo Cuevas por 6/1 e 7/6 (7-4). O francês levou a melhor no único duelo anterior contra Jarry no circuito, disputado na grama de Wimbledon em 2017.

Campeão de simples e duplas em Queen's, o espanhol Feliciano López desistiu de jogar em Eastbourne e se poupa para a disputa de Wimbledon. Seu lugar na chave foi ocupado pelo lucky-loser norte-americano Denis Kudla, que perdeu por 5/7, 7/6 (10-8) e 6/4 para o francês Pierre-Hugues Herbert. O próximo jogo de Herbert será contra o convidado local Daniel Evans, que fez 7/6 (7-2) e 6/2 contra o moldavo Radu Albot.

Outro britânico a avançar foi Cameron Norrie, 49º do ranking, que derrotou o francês Jeremy Chardy por 6/3 e 7/6 (7-4). Norrie terá um duelo caseiro contra o cabeça 3 do torneio e número 31 do mundo Kyle Edmund. Os dois tenistas da casa jamais se enfrentaram pelo circuito profissional.

Dois anfitriões perderam na estreia. Jay Clarke caiu diante do argentino Juan Ignacio Londero por 6/7 (5-7), 6/1 e 6/3. Já James Ward caiu diante do italiano Thomas Fabbiano por 2/6, 6/3 e 6/1. Nas oitavas, Fabbiano enfrenta o segundo favorito sérvio Laslo Djere, enquanto Londero encara o cabeça 5 espanhol Fernando Verdasco.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis