Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Promessa de 15 anos derruba a pentacampeã Venus
01/07/2019 às 15h45

Cori Gauff surpreendeu na rodada de estreia do Grand Slam londrino

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Mais uma vez, a promissora Cori Gauff deu mostras de seu enorme potencial. Considerada uma das principais esperanças para o futuro do tênis norte-americano, a jovem jogadora de apenas 15 anos surpreendeu a pentacampeã de Wimbledon Venus Williams e marcou um duplo 6/4 diante da ex-número 1 do mundo. 

Ex-líder do ranking mundial juvenil e atual 313ª colocada na WTA, Gauff está disputando um Grand Slam pela primeira vez na carreira. Na semana passada, ela superou um qualificatório de três rodadas, sendo que uma de suas vitórias foi sobre a top 100 espanhola Aliona Bolsova. 

Tenista mais jovem a furar o quali de Wimbledon na Era Aberta, Gauff também se torna a atleta mais nova a vencer uma partida na chave principal do Grand Slam britânico desde 1991. 

Por conta da diferença de idade de 24 anos entre elas, são várias as curiosidades no confronto entre as duas norte-americanas. Quando Gauff nasceu, em março de 2004, Venus já possuía quatro de seus sete títulos de Grand Slam e já havia conquistado Wimbledon duas vezes, além de também já ter liderado o ranking mundial da WTA.

Aos 39 anos, Venus faz sua 22ª participação em Wimbledon. A atual 44ª do ranking só havia sido eliminada na estreia duas vezes, a primeira em 1997 e a segunda em 2012. Além dos cinco títulos conquistados na grama londrina, o último em 2008, Venus ainda disputou outras quatro finais, a mais recente em 2017.

A caminhada em Wimbledon está rendendo 110 pontos no ranking para Gauff, sendo 40 do quali e mais 70 pela vitória na estreia da chave principal. A jovem americana já declarou que quer ser top 100 ainda este ano e se aproxima do 210º lugar do ranking. Sua próxima adversária será a eslovaca Magdalena Rybarikova, que surpreendeu a 11ª do ranking Aryna Sabalenka por 6/2 e 6/4.

Gauff cometeu poucos erros e sacou muito bem
Durante 1h19 de partida, Gauff mostrou muita consistência do fundo de quadra e cometeu apenas oito erros não-forçados contra 26 de Venus. Ela ainda liderou a estatística de winners por 18 a 16. A jovem de 15 anos teve desempenho invejável no saque durante o set inicial, já que sequer enfrentou break points e cedeu apenas quatro pontos em seus games de serviço, além de aproveitar a única chance de quebra que teve.

O segundo set também foi definido por detalhes. Novamente, Gauff foi a primeira a quebrar e chegou a liderar por 4/2. Venus buscou o empate no oitavo game depois de duas duplas-faltas da jovem rival. Quando parecia que a ex-número 1 assumiria o controle das ações, Gauff voltaria a quebrar e ficou mais perto da vitória. Sacando para o jogo, a promissora atleta de 15 anos precisou de quatro match points para confirmar a maior vitória da carreira.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series