Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Nadal aprova estreia e prevê jogo duro com Kyrgios
02/07/2019 às 20h12

Nadal tem três vitórias e três derrotas contra Kyrgios no circuito

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - A boa estreia em Wimbledon animou Rafael Nadal. O espanhol comemorou o desempenho na tranquila vitória contra o japonês Yuichi Sugita, especialmente pelo bom histórico do rival na grama. Ex-top 40, Sugita já conquistou um título de ATP na grama de Antalya, em 2017, e vinha embalado por três vitórias no quali do Grand Slam britânico.

"Foi um bom começo para mim. Venci em dois sets contra um adversário que sabe jogar na grama. Ele já ganhou um torneio nesse piso e derrotou bons jogadores", disse Nadal após a vitória por 6/3, 6/1 e 6/3 sobre Sugita, que aparece atualmente no 274º lugar do ranking aos 30 anos. "Eu tenho outro dia amanhã para continuar trabalhando nas coisas que preciso. Espero que isso me ajude."

"Estou feliz pela vitória de hoje. Isso é o principal", avalia o bicampeão de Wimbledon e semifinalista no ano passado. "É a minha primeira partida oficial na grama em um ano, então é sempre difícil. O começo de partida não foi o ideal, mas sorte de salvar break points em um 0-40 e depois as coisas mudaram rapidamente. Mas há muitas coisas para melhorar. Venho evoluindo a cada dia desde que cheguei aqui.

O próximo compromisso de Nadal será duríssimo. O número 2 do mundo terá a missão de enfrentar o australiano Nick Kyrgios, 43º colocado, contra quem tem três vitórias e três derrotas. O primeiro desses encontros foi na grama de Wimbledon em 2014, com vitória de Kyrgios. "Vou enfrentar um grande jogador, de muito talento e também muito perigoso. É claro que será uma segunda rodada super difícil. Eu sei disso. Preciso estar no meu 100% e vou lutar por isso"

Nadal não disputou torneios oficiais preparatórios para Wimbledon e perdeu os jogos de exibição que fez contra Marin Cilic e Lucas Pouille na semana passada, mas minimizou os resultados dos amistosos. "Em Hurlingham, eu não joguei mal. Apenas enfrentei dois caras que já vinham atuando na grama há mais tempo. Foi um começo competitivo. Joguei contra dois bons jogadores".

Comentários
Faberg
Roland Garros Series