Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Serena, Fognini e Kyrgios também multados
08/07/2019 às 22h52

Londres (Inglaterra) – O torneio de Wimbledon entra em sua segunda semana de jogos e vários jogadores já foram multados por motivos diversos. Serena Williams teria sido multada em US$ 10 mil por ter danificado uma das quadras do All England Club com sua raquete em treino ainda antes de a competição iniciar. Sete vezes campeã do Grand Slam inglês, a americana ainda não comentou o assunto. Serena enfrenta nesta terça-feira, pelas quartas de final, a compatriota Alison Riske. Serena tenta em Wimbledon a conquista de seu 24º título de simples de Grand Slam.

O italiano Fabio Fognini foi multado em US$ 3 mil por conduta antiesportiva na partida da terceira rodada que perdeu para Tennys Sandgren. Fognini disse que esperava que “uma bomba” explodisse no All England Club.

O esquentado Nick Kyrgios também recebeu multa de US$ 8 mil devido a conduta antiesportiva em incidentes acontecidos na primeira e segunda rodadas. O australiano foi eliminado por Rafael Nadal na segunda rodada.

Anteriormente, o também australiano Bernard Tomic havia levado multa de US$ 56.100 por falta de competitividade no jogo de estreia contra o francês Jo-Wilfried Tsonga, na terça-feira passada, em que perdeu por 6/2, 6/1 e 6/4. O jogo teve duração de apenas 58 minutos, o mais curto nos últimos 15 anos, gerando críticas nas mídias sociais por desrespeito ao jogo. O valor da multa corresponde ao total do prêmio a que fazia jus pela derrota na primeira rodada porque ele “não atuou de acordo com os padrões profissionais” afirmou o comunicado do All England Club. Na entrevista coletiva, Tomic admitiu que jogou “uma partida terrível”, mas se recusou a comentar sobre sua falta de competitividade.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series