Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Serena: 'Tenho de achar como voltar a vencer'
13/07/2019 às 18h24
Não sei o que me faltou hoje, Simona jogou muito bem e mereceu levar o torneio. Tentei fazer todas as mudanças possíveis, mas nada funcionou. Errei demais. E numa final de Grand Slam, em algum momento isso vai te custar algo.
Serena Williams, sobre a atuação ruim na final de Wimbledon
Não sei o que tem me acontecido nas finais. Tenho de achar uma maneira de voltar a ganhar. Talvez se estivesse jogando outras finais, que não fossem de Slam, ajudaria. Acredito que no momento que volte a erguer um título, esse pequeno problema desaparecerá.
Sobre as três derrotas sofridas em finais de Slam que lhe dariam o 24º troféu.
Claro que minha cabeça não é a mesma de 20 anos atrás e todo mundo espera que eu seja campeã. Nos últimos tempos, atingir cada final me custou um esforço enorme. Talvez exista uma tensão exagerada, mas o que posso dizer hoje é que minha rival jogou num nível fantástico.
Questionada se a pressão não seria imposta por ela mesma.
Tive problemas em algumas semanas que me impediram de estar 100%, mas fui melhorando com as partidas e posso dizer que estou muito bem no momento. Não posso deixar isso cair, quero tentar ganhar um novo Slam.
Respondendo sobre sua condição física.
Estou inscrita para Toronto e Cincinnati, mas não acredito que jogarei San Jose. Na minha idade, jogar muito torneios seguidos pode ser ruim, especialmente na quadra dura, que é o piso que meus joelhos mais podem sentir. Não quero jogar três torneios antes de um Grand Slam.
Sobre seu calendário terá o US Open.
O dia que deixar de lutar pela igualdade entre os gêneros, é porque estarei em meu túmulo.
Sobre a luta por igualdade no tênis.
Comentários
Faberg
Roland Garros Series