Notícias | Dia a dia
Djokovic desiste de jogar o Masters de Montréal
25/07/2019 às 19h18

Djokovic decidiu esticar o período de repouso

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Enquanto todo mundo esperava para ver se Rafael Nadal iria ou não defender seu título no Masters do Canadá, este ano sediado em Montréal, a surpresa veio do líder do ranking.

Tetracampeão do torneio, o sérvio Novak Djokovic decidiu que precisa de mais tempo de descanso após a exaustiva campanha em Wimbledon e se retirou da lista de inscritos para o torneio, que começa dentro de 11 dias.

"Sinto ter que anunciar que eu decidi sair de Montréal. Com o apoio do meu time, achei melhor dar um tempo maior de descanso a meu corpo e me recuperar completamente antes de ir à quadra novamente". afirmou Djoko. "Eu adoro o Canadá e tenho muitos amigos lá que sempre me fazer sentir em casa. Espero voltar brevemente".

Leia também: Montréal conta com jovens canadenses para suprir ausências

No ano passado, ele decidiu ir a Toronto após o título em Wimbledon e o resultado foi ruim, sequer passando das oitavas de final. Na semana seguinte, mais bem preparado, conquistou pela primeira vez o Masters de Cincinnati e logo em seguida ergueu o troféu do US Open.

Como a sede do Masters canadense é alternada a cada temporada, Djokovic ganhou duas vezes em Montréal, anos de 2007 e 2011, e outras duas em Toronto, em 2012 e 2016.

Além de Djokovic, o torneio já havia perdido o suíço Roger Federer, que logo depois da final perdida em Londres anunciou que não iria ao Canadá, além do contundido Juan Martin del Potro.

Os beneficiados com as desistências de Djokovic e Del Potro serão o francês Richard Gasquet e o cazaque Mikhail Kukushkin.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis