Notícias | Dia a dia
Menezes vence set, mas acaba ficando com o vice
28/07/2019 às 16h19

Binghamton (EUA) - Não deu para o mineiro João Menezes na final do challenger de Binghamton. Cabeça de chave 11, o japonês Yuichi Sugita fez valer sua maior experiência para conquistar o título do torneio, vencendo a decisão deste domingo por 2 sets a 1, com o placar final de 7/6 (7-2), 1/6 e 6/2, após 1h52 de confronto.

O japonês de 30 anos levará para casa um prêmio de US$ 7.200 e mais 80 pontos no ranking, que o fará voltar ao top 200. Ele ganhará 44 colocações e assumirá a 197ª posição na próxima segunda-feira. Por sua vez, o vice-campeão Menezes receberá um cheque de US$ 4.240 e mais 48 pontos, subindo do atual 238 lugar para o 212º, o melhor da carreira até então.

Bastante equilibrado, o primeiro set foi definido no detalhe. Os dois únicos break-points vieram apenas no 12º set, em que Menezes se salvou e levou a decisão para o tiebreak. Sugita largou com tudo no desempate, venceu os cinco primeiros pontos e encaminhou a vitória na parcial inicial.

A história do segundo set foi parecida com a do tiebreak anterior, só que com papéis inversos. Desta vez foi Menezes que abriu confortável vantagem, marcando 5/0 sobre o rival japonês, com duas quebras de frente. Sugita teve um break-point a seu favor no sétimo e último game, mas não o aproveitou e viu o jogo ficar empatado.

Menezes teve dois break-points no primeiro game do terceiro set com um 15-40 no saque do rival, mas Sugita se salvou e manteve o serviço. O japonês obteve vantagem ao conseguir um break no quarto game e tratou de fechar a partida com mais uma quebra no oitavo e último.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis