Notícias | Dia a dia
Gauff avisa que quer ser a maior de todos os tempos
29/07/2019 às 13h38

Washington (EUA) - Sensação do tênis norte-americano com apenas 15 anos, Coco Gauff despontou para o mundo em Wimbledon, onde venceu a compatriota Venus Williams na estreia e depois foi até a segunda semana do torneio. Em seu primeiro compromisso desde a disputa na grama do All England Club, ela manteve o embalo e passou sem sustos pelo quali do WTA de Washington.

A promissora tenista mostra confiança em sua capacidade e avisa que tentará ser a maior de todos os tempos. “Meus sonhos não mudaram, sempre serão os mesmos até o momento que eu os alcance. Quero ser número 1 do mundo e vencer Grand Slam. Meu objetivo geral é ser a melhor jogadora da história”, disse Gauff em entrevista ao Washington Post.

Impedida de receber mais de três convites por ano para torneios da WTA, por causa da pouca idade, Gauff compreende a situação e não se rebela. “Entendo as regras, elas foram feitas para proteger as jogadoras jovens. Claro que gostaria de disputar mais torneios e espero que possam mudá-la, ainda que só um pouco”, observou a norte-americana, que espera poder jogar mais vezes até o fim do ano.

“Meu pai faz questão de espaçar os torneios para que eu tenha tempo de treinar bem. Mesmo no juvenil eu nunca jogava tanto quanto as outras meninas”, complementou a jovem tenista, que apesar da pouca idade já é a 146ª do mundo.

Gauff garante que continua a mesma depois do brilho em Wimbledon, mas destaca que o entorno ficou bem mais movimentado. “Sinto que não mudei nada como pessoa, mas todo meu entorno mudou bastante. Acho que tive o recorde mundial de maior subida de seguidores no Instagram”, disse a tenista que viu o número de seguidores saltar de 30 mil para 386 mil.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis