Notícias | Dia a dia
Técnico de Djoko não o acompanhará em Cincinnati
31/07/2019 às 12h58

Vajda irá direto para o US Open

Foto: Arquivo

Belgrado (Sérvia) - O sérvio Novak Djokovic não contará com a presença do treinador Marian Vajda durante sua participação no Masters 1000 de Cincinnati, primeiro torneio que disputará depois da conquista do quinto título de Wimbledon. Esta deve ser também o único evento preparatório do número 1 do mundo antes do US Open, já que ele não irá disputar o Masters 1000 canadense.

“Junto com meu time, decidi dar um descanso maior ao meu corpo antes de voltar a jogar. Adoro o Canadá, tenho muitos amigos lá e me sinto em casa, mas desta vez não irei a Montréal”, afirmou o sérvio, que não terá a companhia de Vajda durante a disputa de Cincinati.

“Vou ficar em casa nessas próximas semanas e me juntar a Novak em Nova York”, explicou Vajda em entrevista à imprensa sérvia. Sem poder contar com seu principal treinador, Djokovic terá novamente ao seu lado o croata Goran Ivanisevic, que esteve em seu time durante a disputa de Wimbledon e voltará para trabalhar com o sérvio mais uma vez.

Ivanisevic se mostrou contente com a parceira durante o Grand Slam britânico e destacou a figura doa atual líder do ranking. “Só tenho coisas positivas para falar dele e de toda sua equipe, especialmente Marian. Vi por que ‘Nole’ é o número 1 do mundo, ele é um perfeccionista e sempre quer melhorar. Gosto muito disso”, comentou o croata.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis