Notícias | Dia a dia
Osaka se sente mais madura e pronta para voltar
01/08/2019 às 18h46

Japonesa retorna ao circuito na semana que vem, em Toronto

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Depois de conquistar dois títulos seguidos de Grand Slam, o US Open do ano passado e o Australian Open deste ano, e alcançar a liderança do ranking mundial, Naomi Osaka não conseguiu repetir os mesmos resultados e tem passado por altos e baixos na temporada.

A jovem japonesa de 21 anos, entretanto, aproveitou o tempo livre após a eliminação na primeira rodada de Wimbledon para refletir sobre tudo o que aconteceu com ela ao longo do último ano. Osaka diz que aprendeu muito sobre si mesma e que evoluiu muito como pessoa. Ela também acredita ter passado por um dos momentos mais difíceis de sua vida e agradeceu ao apoio das pessoas mais próximas.

"Os últimos meses foram muito difíceis para mim, em termos de tênis, mas felizmente estou cercada por pessoas que amo e que me amam de volta (eu espero, hahaha). Quando as coisas dão errado, tenho a tendência de me culpar por tudo, porque eu não quero sobrecarregar ninguém com meus problemas", escreveu Osaka em seu perfil no Twitter.

"Mas essas pessoas me ensinaram a confiar nelas e que eu não tenho que lidar com tudo sozinha. É difícil pensar que os piores meses da minha vida também foram marcados por bons momentos desde que conheci novas pessoas e pude fazer coisas que eu nunca imaginei que faria", acrescentou a atual número 2 do mundo.

"Eu não me divertia jogando tênis desde o Australian Open e estou finalmente voltando a  desfrutar desse esporte. Eu me concentrei muito nos resultados dos últimos meses, em vez de aprender com tudo que aconteceu comigo, que é o que eu 'normalmente' faço", afirmou a japonesa, que é apenas a sexta colocada no ranking da temporada, que vale a classificação para o WTA Finals.

"Ter esse tempo para pensar (depois de ter perdido na primeira rodada hahaha) me fez aprender muito sobre mim mesma. Cresci muito como pessoa no último ano e estou animada com o que o futuro me reserva dentro e fora de quadra", complementou Osaka, que agora segue para Toronto. Ela disputará o forte torneio WTA Premier canadense na semana que vem.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis