Notícias | Dia a dia
Giorgi supera contusões e volta a uma decisão
03/08/2019 às 18h37

Washington (EUA) - O tênis italiano pode contar novamente com o tênis ofensivo de Camila Giorgi. A musa de 27 anos superou um período difícil, repleto de contusões, e garantiu seu lugar na final do WTA de Washington neste sábado, ao derrotar a novata local Catherine McNally, uma década mais jovem, com parciais de 7/6 (7-5) e 6/2.

Giorgi não vencia uma partida desde o Australian Open de janeiro, tendo disputado apenas três torneios e uma etapa da Fed Cup. Com a saúde ameaçada por problemas no punho e no tornozelo, ela já esteve em 26º lugar do ranking, mas agora aparece no 62º.

Esta será sua sétima final da carreira, tendo vencido na grama de Hertogenbosch em 2015 e no piso duro coberto de Linz no ano passado.

No seu caminho para a conquista está outra norte-americana, Jessica Pegula, que mais cedo derrotou a russa Anna Kalinskaya, saída do qualificatório, com parciais de 6/3, 1/6 e 6/1. Aos 25 anos, esta será sua segunda tentativa de buscar o primeiro título de WTA.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis