Notícias | Dia a dia
Wawrinka novamente deixa Dimitrov pelo caminho
13/08/2019 às 16h30

Cincinnati (EUA) - Nesta terça-feira Stan Wawrinka e Grigor Dimitrov se enfrentaram pela terceira vez na temporada e, assim como aconteceu em Roland Garros e na semana passada em Montréal, quem levou a melhor foi o suíço que saiu perdendo e buscou a virada sobre o búlgaro na estreia de ambos no Masters 1000 de Cincinnati, anotando placar final de 5/7, 6/4 e 7/6 (7-4).

Após superar batalha de 2h35 na primeira rodada, Wawrinka terá pela frente o russo Andrey Rublev, outro que começou atrás e triunfou de virada, batendo o georgiano Nikoloz Basilashvili, cabeça de chave número 15, com parciais de 6/7 (4-7), 6/4 e 6/2. Será o segundo encontro entre eles e o suíço venceu o primeiro, três anos atrás em Chennai.

Wawrinka deixou o primeiro set escapar com uma quebra no 12º e último game, mas não se abateu e voltou firme para a parcial seguinte. Ele teve que salvar um break-point logo no segundo game, mas no quinto aproveitou uma das quatro oportunidades que teve e quebrou Dimitrov. No oitavo, o suíço encarou mais dois breaks contra, escapou de ambos e partiu para empatar o jogo.

No terceiro e decisivo set, o tenista de Lausanne abriu 5/1 com duas quebras e sacou em 5/2 para fechar, perdeu dois match-points e viu uma reação de Dimitrov, que chegou a empatar em 5/5. Sacando pela terceira vez para selar a vitória, Wawrinka mais uma vez falhou e teve então que definir a sorte no tiebreak, quando finalmente conseguiu suplantar o búlgaro.

Tiafoe frustra estreia de Monfils

Vindo de semi em Montréal, o francês Gael Monfils se deu mal em sua estreia na competição. Ele não conseguiu manter o embalo e parou diante do norte-americano Frances Tiafoe, caindo com parciais de 7/6 (9-7) e 6/3. O atleta da casa agora espera pelo espanhol Roberto Bautista, 11º favorito, ou pelo polonês Hubert Hurkacz.

O outro jovem norte-americano que abriu campanha nesta terça não teve a mesma sorte. Taylor Fritz foi superado com 6/4, 4/6 e 6/4 pelo belga David Goffin, que agora medirá forças com o argentino Guido Pella.

A partida mais rápida do dia foi a vitória de Benoit Paire sobre o espanhol Fernando Verdasco, que desistiu após perder o primeiro set por 6/4, em 48 minutos de disputa. O francês aguarda quem passar do confronto entre o britânico Kyle Edmund e o russo Daniil Medvedev, que vem dos vices em Washington e Montréal.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis