Notícias | Dia a dia
Khachanov: 'Foi difícil focar com atitudes de Kyrgios'
15/08/2019 às 10h47

Cincinnati (EUA) - Mais uma vez o australiano Nick Kyrgios tratou de aprontar das suas em quadra. O chilique mais recente aconteceu na noite da última quarta-feira, quando ele abusou de atitudes intempestivas na derrota de virada para o russo Karen Khachanov, que conseguiu muito bem manter a frieza e administrou muito bem a situação.

“Kyrgios tem um grande talento, mas às vezes a cabeça não está no lugar certo. É realmente difícil lidar com essas situações e acredito que não seja apenas para mim. A única forma de conseguir manejar isso é se manter concentrado e focado. Foi uma partida muito difícil para mim”, declarou o russo de 23 anos e atual nono no ranking da ATP.

O controle de Khachanov foi realmente colocado à prova durante o jogo. Embora o russo não tenha sido alvo em momento algum de Kyrgios, ele teve que superar uma série de fatos incomuns nas partidas. De todos estes, o mais recorrente foi a discussão entre o australiano e o juiz de cadeira Fergus Murphy, que ouviu várias reclamações e até xingamentos.

Além dos embates com o árbitro, Kyrgios também aprontou na virada do segundo para o terceiro ser. Ele pediu uma pausa para ir ao banheiro, mas na verdade foi apenas até o corredor logo após a saída de quadra, onde quebrou duas raquetes e logo em seguida retornou para a disputa.

Classificado para as oitavas de final, Khachanov terá agora pela frente o francês Lucas Pouille, contra quem jogou três vezes, todas em 2018, venceu em Marselha e Roland Garros e perdeu em Dubai. “Lucas fez duas boas partidas aqui e venceu adversários duros, mas estarei pronto para enfrentá-lo amanhã”, observou o russo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis