Notícias | Dia a dia
Medvedev estreia no top 5, Bautista vira top 10
19/08/2019 às 08h07

Miami (EUA) - O ranking desta segunda-feira confirmou a estreia do russo Daniil Medvedev no top 5 da ATP. Campeão do Masters 1000 de Cincinnati no último domingo, o tenista de 23 anos ganhou três colocações com a campanha no torneio, em que chegou a derrubar o sérvio Novak Djokovic nas semifinais.

Medvedev é o jogador com mais vitórias na atual temporada somando 44 triunfos em 2019, três a mais do que o espanhol Rafael Nadal, que lidera a corrida para o ATP Finals. Ao conquistar o título em Cincinnati, ele também se tornou o quinto russo na história e levantar uma taça de Masters 1000.

Quem também se deu bem com o desempenho da última semana foi o espanhol Roberto Bautista, que foi até as quartas de final. O tenista de 31 anos ganhou uma colocação, ultrapassando o italiano Fabio Fognini, e debutou no top 10, se tornando o 19º representante da ‘Armada’ a figurar entre os 10 melhores do mundo.

Vice-campeão em Cincy, o belga David Goffin foi mais um que aproveitou para subir no ranking, ganhou quatro lugares e agora é o 15º do mundo. Um pouco mais embaixo, destaque para o russo Andrey Rublev e para o francês Richard Gasquet, que dispararam mais de 20 colocações na lista desta segunda-feira.

Responsável pela eliminação dos suíços Roger Federer e Stan Wawrinka, Rublev teve a maior ascensão de todo o top 100, ganhando 23 posições e saltando para a 47ª. Já o semifinalista Gasquet melhorou uma colocação a menos do que o russo, retornou ao top 50 e foi direto para o 34º posto.

Outras subidas de destaque foram de Yoshihito Nishioka, Aljaz Bedene e Miomir Kecmanovic. O japonês ganhou 18 colocações e agora é o 59º do mundo, o eslovaco saiu da 90ª para a 80ª posição e o jovem sérvio de 19 anos melhorou nove lugares, entrou pela primeira vez no top 50 e agora é o 49º, sua melhor colocação da carreira.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis