Notícias | Dia a dia | US Open
Kyrgios comemora mais uma vitória em sets diretos
30/08/2019 às 12h48

Nova York (EUA) - Assim como fez em sua estreia no US Open, o australiano Nick Kyrgios passou pela segunda rodada do torneio sem perder sets. Outra coisa que se repetiu foram os problemas com a arbitragem, desta vez começando antes sequer da partida começar, já que o juiz de cadeira o chamou a atenção por causa de uma frase estampada na gola de sua camisa.

“Saquei bem nestas partidas e vencer meus dois primeiros rivais em sets diretos me deixa feliz, pois me permite concentrar minhas energias no que virá pela frente”, comentou o australiano, que depois de bater na sequência o local Steve Johnson e o francês Antoine Hoang agora terá um belo desafio pela frente com o russo Andrey Rublev.

O primeiro problema com o juiz de cadeira na partida da noite da última quinta-feira se deu por causa da frase ‘Just do You’ que aparecia quando Kyrgios usava a gola de sua camisa levantada. “Eu quero ver a regra, não vou jogar até você me mostrar isso na regra”, argumentou o australiano ao ser informado que não poderia jogar assim.

Depois de uma conversa com a arbitragem ele decidiu jogar com a gola baixa e fez valer a condição de cabeça de chave 28 para cima de Hoang. “Eles pensaram que era o slogan da marca que me veste, mas não era isso. Devem ter lido errado porque dizia 'Just do You'. Foi tudo resolvido e poderei seguir usando”, explicou Kyrgios após a partida.

Ainda durante o confronto, houve mais uma desavença entre Kyrgios e o juiz de cadeira. Isso porque logo após cantar game, o árbitro aceitou um desafio do francês, que estava certo. Foi mandado voltar o ponto e então o australiano discutiu com o juiz, defendendo que ele já havia encerrado a disputa e que não poderia aceitar mais o desafio, mas não conseguiu fazer valer sua argumentação e teve que vencer o ponto de novo para fechar o game.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series