Notícias | Dia a dia | US Open
Rublev diz que vencer 1º tiebreak foi fundamental
01/09/2019 às 11h50

Nova York (EUA) - Responsável pela eliminação do australiano Nick Kyrgios na terceira rodada do US Open, Andrey Rublev comemorou bastante a vitória contra um adversário que considera um dos mais duros do circuito, principalmente por seu potente saque, que segundo o russo está entre os melhores da atualidade.

“Seu saque é um dos melhores do circuito, então tentei focar nos meus games de serviço e depois ver se conseguia me dar bem nos tiebreaks. Assim que ganhei o primeiro set no desempate disse para mim: 'Ufa, isso vai ser muito importante'. Acabou sendo o meu dia hoje e fico muito feliz por isso”, declarou Rublev.

Classificado para as oitavas de final, o russo de 21 anos e atual 43 do mundo terá pela frente o italiano Matteo Berrettini e tentará alcançar as quartas em Nova York pela segunda vez na carreira, repetindo o feito de 2017, quando obteve seu melhor desempenho até então em um Grand Slam, parando apenas diante do espanhol Rafael Nadal.

Rublev chegou em Flushing Meadows em grande fase, vindo de duas quartas de final seguidas, a primeira no Masters 1000 de Cincinnati, onde conseguiu derrubar na sequência os suíços Stan Wawrinka e Roger Federer, e depois no ATP 250 de Winston-Salem. O russo, que já chegou a ser o 31º do mundo, vem se recuperando e com a campanha em Nova York vai subindo provisoriamente para o 37º lugar.

Comentários