Notícias | Dia a dia
Lesão de Djokovic pode levá-lo para mesa de cirurgia
11/09/2019 às 09h24

Nova York (EUA) - O problema no ombro esquerdo que forçou o sérvio Novak Djokovic desistir do US Open no meio do confronto com o suíço Stan Wawrinka, pelas oitavas de final, pode ser um pouco mais grave do que parecia. Segundo informa o New York Times, o número 1 do mundo pode até precisar passar por uma operação.

“A crescente dor no ombro de Djokovic, que o fez desistir da partida contra Wawrinka na quarta rodada pode fazê-lo não jogar por um longo período de tempo se precisar de cirurgia ou até um descanso mais longo”, escreveu o jornalista Christopher Clarey, que através do Twitter deixou ainda mais enigmática a situação.

“Fontes disseram que o ombro de Djokovic é problemático e pode precisar mais do que um simples tempo de descanso”, disse o jornalista.

O líder do ranking adotou uma postura cautelosa no US Open sobre a lesão, que surgiu na vitória por 3 sets a 0 sobre o argentino Juan Ignacio Londero. “Para ser honesto, não foi nada fácil jogar com esse tipo de sensação e poucas vezes enfrentei dores assim na minha carreira”, disse o sérvio após superar a segunda rodada da competição.

Na partida seguinte, ‘Nole’ se mostrou melhor e conseguiu nova vitória por 3 a 0, então para cima do norte-americano Denis Kudla, mas fez mistério ao ser questionado sobre a recuperação. “Não fiz muitas coisas nos dois últimos dias para poder jogar hoje. Entendo que vocês queiram saber tudo, mas peço que respeitem minha decisão de não entrar em detalhes e não falar muito mais sobre o assunto”, falou o número 1.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis