Notícias | Outros
Paranaense leva título dos 18 de virada em Itajaí
05/10/2019 às 21h30

Márcio Silva, do Paraná, festejou a conquista do primeiro título na carreira.

Foto: Luiz Candido / LuzPress

Itajaí (SC) - Os campeões da 11ª Copa Santa Catarina foram definidos neste sábado, no Itamirim Clube de Campo, em Itajaí (SC). Nos 18 anos, com pontos valendo pelo ranking da Federação Internacional, o paranaense Márcio Silva surpreendeu o catarinense João Victor Loureiro, de Joinville, principal favorito, e conquistou título inédito na carreira, vencendo de virada com parciais de 3/6, 6/2 e 6/2. Esta é a primeira conquista de Márcio na carreira.

Nos 18 feminino, a uruguaia Guillermina Grant, principal favorita, confirmou a condição de cabeça de chave 1 ao vencer a belga Amelie Van Impe, quinta pré-classificada, por 6/2 e 6/0. Grant vinha de vice-campeonato no Bahia Juniors Cup, em Salvador, enquanto que Van Impe havia eliminado na semifinal a gaúcha Sofia Mendonça, campeã na Bahia e que vinha oito vitórias consecutivas. A última campeã brasileira na competição foi Vitória Okuyama, em 2016.

Nos 16 anos feminino, o troféu ficou Isabelle Torres, que treina na ADK Tennis, no Itamirim Clube de Campo, que derrotou a brasileira Maria Sodré por 6/2 e 6/1. Nos 16 masculino, troféu foi para Victor Tosetto, que fez 6/4 e 6/2 sobre Lucas Silva.

Nas duplas, os títulos ficaram com as duplas estrangeiras. No masculino, os uruguaios Francisco Llanes e Emiliano Troche superaram os cariocas Gustavo Madureira e Lorenzo Esquici por 6/4, 4/6 e 11/9. No feminino, as belgas Van Impe e Amelia Waligora superaram a catarinense Namie Isago e Isabel Oliveira por 6/2, 6/7 (4/7) e 10-8.

Nos 14 masculino, o troféu ficou com Matheus Amorim, que fez 6/1 e 6/0 em Davi Daniel, filho do ex-top 60, o gaúcho Marcos Daniel. No feminino, o troféu ficou com Paolo Dalmonico, que derrotou Rayssa Domingues por 6/4 e 6/2.

Diretor do torneio, Ivan Kley, que foi um dos melhores tenistas brasileiros de todos os tempos e figurou no top 100 mundial, comemorou a realização do torneio que teve recorde de inscritos, 530, de 13 países. "Foi um evento sensacional, um sucesso total. Recorde de inscritos, todo mundo elogiando, técnicos, jogadores. O torneio transcorreu normal com transporte, árbitros ótimos na programação e com tudo. Tivemos uma menina da equipe e do clube sendo campeã e o dia final com clima típico de verão. A cada ano, vamos melhorando, superando dos anos anteriores, estrutura do clube está muito boa daqui a uns dois anos teremos mais duas quadras cobertas, vai melhorar e muito em caso de chuva. Vamos começar a preparar os projetos para 2020, é um torneio que preparamos com um ano e certamente seguiremos fortes". A competição teve atletas de 13 países com jogadores do Brasil, Colômbia, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Bolívia, Estados Unidos, Japão, República Tcheca, Bélgica, Espanha e Peru.

Hall com os demais campeões:

8 anos - CBT Nacional
Masculino - Eduardo Oleias (SC)

9 anos - CBT Nacional
Masculino - Rafael Nascimento e Souza (SP)
Duplas Masculino - Gabriel Schmitz/João Ribeiro (SC)
Feminino - Maria dos Santos (SC)

10 anos - CBT Nacional
Masculino - Gabriel Deschamps (SC)

11 Anos - CBT Nacional
Masculino - Iago Serrate (SC)

12 anos - CBT Nacional
Masculino - Francisco Damorim (SP)
Feminino - Daniela Campos (PR)
Duplas Masculino - Bernardo Fuckner/Giancarlo Nardi (SC/PR)

14 Anos - Cosat Sul-Americano
Duplas Masculino - Matheus Lima/Pedro Pinto (BRA)
Duplas Feminino - Luiza Eidelvein/Paola Dalmonico (BRA)

16 Anos - Cosat Sul-Americano
Duplas Masculino - Murilo Franzoloso/Lucas Muratori (BRA)
Duplas Feminino - Isabelle Torres/Isabela Romanichen (BRA)

Campeões dos 18 anos masculino
2019 - Márcio Silva (BRA) e Guillermina Grant (URU)

2018 - Ezequiel Monferrer (ARG) e Gabriela Giraldo (COL)

2017 - Natan Rodrigues (BRA) e Jaedan Brown (EUA)

2016 - Matheus Pucinelli (BRA) e Vitoria Okuyama (BRA)

2015 - Lucas Koelle (BRA) e Anastasia Imachkine (PER)

2014 - Igor Marcondes (BRA) e Thaísa Pedretti (BRA)

2013 - João Menezes (BRA) e Isabela Camargo (BRA)

2012 -  Marcelo Zormann (BRA) e Jazzi Plews (GBR)

2011 - Pedro Dumont (BRA) e Eduarda dos Santos (BRA)

2010 - Bruno Sant´Anna (BRA) e Rafaella Miiller (BRA)

2009 - Thiago Monteiro (BRA) e Catalina Pella (ARG)

Veja as fotos
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis