Notícias | Dia a dia
Melo e Kubot deixam escapar set e são vices na China
06/10/2019 às 07h29

Melo e Kubot podem confirmar vaga no Finals durante o Masters de Xangai da próxima semana

Foto: Arquivo

Pequim (China) - A perda de importante vantagem no segundo set custou a chance de conquistar o bicampeonato do ATP 500 de Pequim para a parceria formada pelo mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot. Eles acabaram derrotados pelo croata Ivan Dodig e o eslovaco Filip Polasek, por 6/3 e 7/6 (7-4).

Depois de perder o primeiro set com uma única quebra de serviço em favor dos adversários, Melo e Kubot saíram de 0/2 para 5/2. Mas a incrível reação foi frustrada na hora de fechar o set num 'ponto decisivo' e aí a decisão foi ao tiebreak, onde então sempre estiveram atrás do placar.

Melo e Kubot buscavam o segundo título seguido na cidade e também o segundo troféu de uma temporada um tanto irregular, em que foram campeões no ATP 250 de Winston-Salem e vices no 500 de Halle e de Indian Wells. Eles não haviam perdido sets na semana até a final.

"Hoje acho que ele foram superiores. Nós não estávamos tão afinados como nos jogos anteriores. Mesmo assim tivemos uma bela chance no segundo set, que foi sacar para o set e não conseguimos aproveitar o set point. E dupla de alto nível é assim mesmo. Na semi, recuperamos um jogo perdido. Agora tivemos a oportunidade de levar para o match tie-break, mas não deu. Faz parte. Eles vêm jogando muito bem também. Jogo decidido nos detalhes. Realmente tiveram o mérito da vitória, aproveitaram que não estávamos tão bem para levar o título", analisou o ex-número 1.

O mineiro busca seu 34º título na carreira – é recordista brasileiro em conquistas - e o oitavo ATP 500. Ele e Kubot continuam muito perto da vaga para o Finals de Londres, que poderá ser concretizada na próxima semana, durante o Masters de Xangai, onde serão cabeças 2 e também defendem o título.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis