Notícias | Dia a dia
Goerges e Ostapenko avançam, Gauff na final de duplas
18/10/2019 às 17h10

A alemã Julia Goerges é a atual campeã do torneio em quadras duras e cobertas

Foto: Divulgação

Luxemburgo (Luxemburgo) - Atual campeã do WTA de Luxemburgo, Julia Goerges deu mais um importante passo para a defesa do título. A experiente alemã de 30 anos e 26ª do ranking garantiu vaga na semifinal do torneio em quadras duras e cobertas depois de vencer nesta sexta-feira a porto-riquenha Monica Puig por 1/6, 6/2 e 6/3 em 1h49 de partida.

Ex-top 10 e dona de sete títulos no circuito, Goerges já disputou 16 finais na carreira. Em 2019, a alemã foi campeã no piso duro de Auckland, em janeiro, e ficou com o vice-campeonato do Premier de Birmingham, em quadras de grama. Ela tem a missão de defender 280 pontos no ranking nesta semana.

Nos três jogos que fez durante a semana em Luxemburgo, Goerges precisou de três sets e saiu atrás no marcador. Mais uma vez, a alemã se destacou por seu bom desempenho no saque, com dez aces no total. Na estreia, diante da japonesa Misaki Doi, a ex-top 10 disparou 21 aces.

A adversária de Goerges na semifinal marcada para às 11h (de Brasília) deste sábado é a cazaque Elena Rybakina, que evitou um duelo alemão ao derrotar Laura Siegemund por 6/0 e 6/4. Jovem de 20 anos e atual 43ª do ranking, Rybakina tem um título de WTA e perdeu o único duelo anterior contra a alemã.

A outra semifinal começa às 9h e envolve a letã Jelena Ostapenko e a russa Anna Blinkova. Ostapenko foi finalista em Linz na semana passada e tenta manter a boa fase na reta final da temporada. A letã de 22 anos e campeã de Roland Garros em 2017 marcou um duplo 6/1 contra a alemã Antonia Lottner. Já Blinkova vencia a compatriota Margarita Gasparyan por 6/3 e 1/0 antes de a rival abandonar.

Outra atração deste sábado será a final do torneio de duplas com a presença de duas jovens promessas do tênis norte-americano. Coco Gauff, de apenas 15 anos, e Catherine Mcnally, de 17 anos, entram em quadra a partir do meio-dia (de Brasília). Elas enfrentam a também norte-americana Kaitlyn Christian e a chilena Alexa Guarachi. Gauff e McNally já ganharam um WTA juntas em Washington.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis