Notícias | Dia a dia
Shapovalov confirma favoritismo e alcança a 1ª final
19/10/2019 às 14h16

Shapovalov havia perdido suas sete primeiras semifinais de ATP

Foto: Divulgação

Estocolmo (Suécia) - Depois de perder as sete primeiras finais de ATP que disputou, Denis Shapovalov irá disputar uma decisão de torneio pela elite do circuito. O jovem canadense de 20 anos e 34º do ranking vai decidir o ATP 250 de Estocolmo, na Suécia, em quadras e cobertas.

Shapovalov venceu neste sábado o experiente japonês de 31 anos e 129º do ranking Yuichi Sugita, que entrou na chave como lucky-loser. Em uma partida de 1h17, o canadense marcou as parciais de 7/5 e 6/2, com direito a onze aces.

Apesar da pouca idade, Shapovalov já chama atenção dos fãs de tênis há bastante tempo. Campeão juvenil de Wimbledon em 2016, o canadense ganhou convite para o Masters 1000 de Toronto naquele ano e derrotou o então top 20 Nick Kyrgios. Na temporada seguinte, pelo Masters de Montréal, bateu Rogério Dutra Silva, Rafael Nadal e Juan Martin del Potro no caminho até a semifinal.

Só nesta temporada, Shapovalov já havia alcançado outras três semifinais, no Masters 1000 de Miami e nos ATPs 250 de Winston-Salem e Chengdu. O canhoto canadense chegou a ocupar o 20º lugar do ranking mundial, marca mais alta de sua carreira.

O adversário de Shapovalov na final deste domingo será o sérvio Filip Krajinovic, jogador de 27 anos e que também busca seu primeiro título de ATP. Ele derrotou o ex-top 10 espanhol Pablo Carreño Busta por 4/6, 6/3 e 6/3 em 2h09 de partida neste sábado.

Krajinovic ocupa atualmente o 60º lugar do ranking da ATP. A melhor marca da carreira do sérvio foi a 26ª colocação, alcançada em abril do ano passado. O sérvio já esteve em duas finais no circuito, uma delas no Masters 1000 de Paris de 2017, quando perdeu a decisão para o norte-americano Jack Sock.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis