Notícias | Dia a dia
Osaka e Kvitova abrem Finals e revivem Austrália
26/10/2019 às 16h09

Kvitova e Osaka revivem logo de início a disputada final do Australian Open de janeiro

Foto: WTA

Shenzhen (China) - Com um dos quadros mais renovados dos últimos tempos, o WTA Finals dá a largada na manhã deste domingo com a primeira edição disputada no piso sintético de Shenzhen. O torneio oferece o maior prêmio já dado a um tenista profissional, acima dos US$ 4 milhões.

Às 5h30 de Brasília, Naomi Osaka e Petra Kvitova abrem o Grupo Vermelho e revivem a final que disputaram no Australian Open deste ano, que a japonesa venceu em três sets para conquistar seu segundo Grand Slam e atingir a liderança do ranking pela primeira vez. Kvitova, por sua vez não disputava uma final de Slam desde o título de Wimbledon de 2014,

Classificada para o Finals pela primeira vez no ano passado, Osaka não foi bem e sequer passou da fase classificatória. Kvitova também falhou na tentativa de ir à semifinal. A canhota tcheca faz sua sétima aparição no Finals, tendo vencido quando estreava em 2011.

Logo em seguida, por volta de 7 horas, a líder do ranking Ashleigh Barty e a suíça Belinda Bencic duelam entre si pela primeira vez. As duas nunca disputaram o Finals anteriormente, apesar de Bencic ter sido sexta do ranking em 2016. O favoritismo é da australiana, campeã de Roland Garros. Bencic foi a última a se classificar para o Finals ao ganhar Moscou há duas semanas.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis