Notícias | Dia a dia
Oito brasileiros no Equador, Monteiro pode pegar Wild
27/10/2019 às 09h06

Wild estreia contra argentino em Guayaquil e poderá encarar Monteiro logo na segunda rodada

Foto: Arquivo

Guayaquil (Equador) - Os brasileiros tentam aproveitar ao máximo o calendário de challengers sobre o saibro sul-americano neste final de temporada e colocaram verdadeiro 'exército' para o torneio de US$ 54.160 que começa nesta segunda-feira em Guayaquil.

O único a obter condição de cabeça de chave foi o cearense Thiago Monteiro, que neste domingo disputará a final do challenger de Lima. Ele entrará diretamente na segunda rodada no Equador e pode fazer duelo nacional contra o paranaense Thiago Wild, que fará primeiro jogo diante do argentino Camilo Carabelli.

Confronto totalmente nacional acontecerá entre Pedro Sakamoto e Oscar Gutierrez. O vencedor terá de encarar o espanhol Jaime Munar, top 100 e cabeça 3. No mesmo quadrante está Guilherme Clezar, que encara o peruano Nicolas Alvarez. Nessa parte superior da chave, está também Felipe Alves, que terá como primeiro adversário o colombiano Daniel Galan.

Orlando Luz e João Menezes são mais dois que correm atrás de pontos. O gaúcho tem estreia dura contra o argentino Juan Pablo Ficovich e, se vencer, terá pela frente o embalado peruano Juan Pablo Varillas. O campeão pan-americano faz primeiro jogo diante do local Roberto Quiroz.

Além de Monteiro e Munar, outros dois top 100 estão na chave. O favoritismo é do boliviano Hugo Dellien, seguido do argentino Leonardo Mayer.

Clique aqui e veja a chave do challenger de Guayaquil

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis