Notícias | Dia a dia
Frases: veja o que dizem no Finals em Shenzhen
28/10/2019 às 14h30

"Só procurei me manter focada no momento, um rali por vez, não correr. Mesmo quando tive chances de fechar o set. Tive de ser realmente dura mentalmente porque, claro, ela é uma grande jogadora e a qualquer momento poderia elevar o seu jogo. Algumas das jogadas foram realmente fantásticas."
Svitolina, atual campeã do Finals, comenta a vitória sobre Karolina Pliskova na estreia.

"Acho que me tornei uma jogadora mais completa. Comecei a jogar bem melhor, estou mentalmente mais forte."
Svitolina

"Acho que a maior motivação é conquistar o troféu este ano. Esta é minha última chance. Tentar vencer tantos jogos quantos puder."
Svitolina é a única das classificadas que não atingiu uma final  em 2019.

"Sempre soube que quando estou mentalmente forte, consigo outra chance. É importante notar o que não está funcionando, o que está dando certo, ajustar o plano de jogo de acordo."
Barty, que marcou a 11ª vitória, de virada neste ano.

"Eu e Simona, sempre quis jogar contra ela. Enfim, tenho a chance. Estou realmente entusiasmada. Vai ser um grande desafio para mim porque este ano foi de muitos altos e baixos. Não estou pensando em ganhar ou perder aqui. Somente em ser capaz de jogar as partidas."
Andreescu comentando sobre o iminente primeiro duelo com Halep.

"Eu lembro de quando conversamos no carro. Eu disse a ela para parar com o juvenil porque ela era forte o bastante para dar o passo (para o profissional). É espantoso o que ela fez. Ganhar um Grand Slam aos 19 anos, jogar alguns torneios e ganhá-los, é um grande trabalho. Ela mereceu porque jogou realmente bem esses torneios."
Halep comenta mais uma vez o encontro que teve com Andreescu, então com 16 anos, a caminho das atividades na Rogers Cup. Depois de surpreender Simona falando romeno com fluência, Bianca pediu um conselho sobre a transição do juvenil ao profissional.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis