Notícias | Dia a dia
Bertens vence e 'carimba' número 1 de Barty
29/10/2019 às 10h55

Shenzhen (China) - Substituta da japonesa Naomi Osaka, que abandonou o WTA Finals por causa de uma lesão no ombro, a holandesa Kiki Bertens não deixou escapar a chance que teve e logo em sua primeira partida tratou de derrubar a australiana Ashleigh Barty, triunfando de virada, com parciais de 3/6, 6/3 e 6/4.

Apesar da derrota, Barty viu sua liderança do ranking ser garantida até o final de 2019, fechando pela primeira vez o ano como número 1 do mundo, se juntando à bielorrussa Victoria Azarenka e à alemã Angelique Kerber, cada uma também terminando uma temporada na ponta da WTA. A australiana é a 14ª a conseguir tal feito.

Vinda do vice no Finals B de Zhuhai, a holandesa saiu perdendo em sua estreia em Shenzhen. Com três quebras contra e duas a favor, Bertens foi superada por Barty na primeira parcial. Ela chegou a ver a rival abrir 2/1 e saque no segundo set, mas não desistiu da partida e foi em busca da reação que acabou culminando na virada.

Primeiro, a holandesa teve que devolver a quebra de desvantagem na segunda parcial, algo que precisou repetir mais tarde, uma vez que levou novo break. Depois do 3/3, só deu Bertens, que venceu os três games seguintes e assim empatou o confronto.

Aproveitando o bom momento, a atual número 10 do mundo tratou de abrir 4/0 no terceiro set e deu um grande passo para a virada. Só que a australiana esboçou uma nova reviravolta, mas só conseguiu devolver uma das duas quebras que tinha de desvantagem. Bertens então confirmou os serviços restantes e ficou com a vitória.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis