Notícias | Dia a dia
Barty diz que sempre evolui quando enfrenta Kvitova
31/10/2019 às 15h21

Barty enfrentou Kvitova cinco vezes neste ano e conseguiu a terceira vitória seguida

Foto: Divulgação

Shenzhen (China) - Depois de vencer seu segundo jogo no WTA Finals e garantir sua classificação para a próxima fase em Shenzhn, Ashleigh Barty aprovou seu desempenho na partida contra Petra Kvitova nesta quinta-feira. A número 1 do mundo acredita que sempre aprende uma coisa nova nas vezes em que enfrenta Kvitova, o que a faz aproveitar ainda mais os confrontos com a tcheca. Ela já havia falado no mesmo tom quando venceu a rival em Pequim.

"Acho que jogar contra a Petra é provavelmente uma das minhas coisas favoritas. Ganhando ou perdendo, sempre são ótimos jogos. Eu apenas curto o desafio de enfrentar a Petra porque ela realmente traz o melhor de mim", disse Barty depois de vencer Kvitova por 6/4 e 6/2. A australiana liderou a estatística de winners por 23 a 21 e cometeu 18 erros contra 31 da rival.

"É um desafio que eu amo. Acho que cada vez que joguei contra ela me tornei uma jogadora melhor depois de saber o que aconteceu durante a partida", acrescenta a australiana de 23 anos, que venceu seu terceiro jogo seguido contra Kvitova. Ainda assim, a tcheca ainda lidera o histórico por 4 a 3, sendo que cinco desses duelos aconteceram na atual temporada.

"Fiquei particularmente feliz com a maneira como consegui devolver o saque dela hoje. Acho que Petra mudou a direção habitual de seu saque e estava tentando correr um pouco mais de risco. Isso meio que funcionou a meu favor um pouco", complementou Barty, que agora espera pela vencedora da partida entre Simona Halep e Karolina Pliskova para saber quem será sua adversária no próximo sábado.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis