Notícias | Dia a dia
Svitolina: 'Barty mostrou por que é a nº 1 do mundo'
03/11/2019 às 15h55

Shenzhen (China) - Vinda de nove vitórias seguidas no WTA Finals, a atual campeã Elina Svitolina viu sua sequência no torneio ruir neste domingo, perdendo a decisão para a australiana Ashlegh Barty. A ucraniana também perdeu sua invencibilidade contra a atual número 1 do mundo, uma vez que havia vencido os cinco confrontos anteriores entre elas, o último deles neste ano em Indian Wells.

“Tivemos vários jogos muito disputados no passado, em alguns deles me lembro de ser um pouco superior em situações sob pressão. A partida de hoje foi muito equilibrada, em que alguns pontos acabaram decidindo o resultado final”, comentou a vice-campeã, que caiu com o placar final de 6/4 e 6/3, após 1h26 de confronto.

“O primeiro set foi muito difícil, acho que tive várias oportunidades, mas Ashleigh jogou muito bem e devolveu todas bolas, não me dando muitas opções. Já o segundo foi um pouco mais irregular, com alguns altos e baixos para os dois lados. Em geral, ela jogou muito bem hoje e fez o dia difícil para mim”, analisou Svitolina.

A ucraniana lamentou ter deixado passar algumas oportunidades. “Acho que tudo poderia ter mudado se tivesse aproveitado melhor as chances que tive, mas também não acho que joguei mal. Barty mostrou por que é a número 1 do mundo”, declarou a atual oitava colocada no ranking da WTA, que tentou fazer uma análise sobre a temporada que se encerrou.

“Neste ano que passou, acho que consegui jogar bem nos torneios de Grand Slam. Eu sei que deveria listar os aspectos positivos da temporada, mas agora estou muito triste depois de perder esta final”, falou Svitolina, que fez semifinais em Wimbledon e no US Open, quartas no Australian Open e só em Roland Garros não foi tão longe, parando na terceira rodada.

Por fim, a ucraniana disse brevemente o que pretende fazer nas férias. “A primeira coisa que farei é voltar para casa e dar uma olhada no meu joelho. Minha principal prioridade agora é estar completamente saudável para a próxima temporada. Nos próximos dias devo tirar uma folga, provavelmente indo para Londres, onde Gael (Monfils) será uma reserva (do ATP Finals)”.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis