Notícias | Dia a dia
Mexicana embala em casa e faz semi em Acapulco
28/02/2020 às 08h18

Acapulco (México) - Convidada da organização, a mexicana Renata Zarazua tem aproveitado muito bem a chance que lhe foi dada no WTA de Acapulco. A tenista da casa venceu mais uma na noite de quinta-feira, bateu a eslovena Tamara Zidansek com parciais de 6/2, 3/6 e 6/2, garantindo vaga nas semifinais do torneio.

“Estou super feliz, acho que a torcida está me ajudando a cada partida. Eu não esperava que fosse assim, então estou vivendo um sonho esta semana”, declarou a mexicana de 22 anos e atual 267 do mundo, que começou sua campanha surpreendendo a norte-americana Sloane Stephens na estreia.

“Vencer o Sloane me deu confiança para continuar firme. Ontem eu estava realmente cansada, então hoje meu objetivo era manter minha energia segura. No final, acabei nem me sentindo cansada. Acho que a multidão me empolgou e eu estava apenas seguindo o fluxo”, disse Zarazua, primeira mexicana semifinalista de um WTA desde Angelica Gavaldon, em 1993.

Zarazua terá agora pela frente a canadense Leylah Fernandez, de 17 anos, que venceu sua colega adolescente, a russa Anastasia Potapova, de 18 anos, com parciais de 6/3 e 7/5. “Estou sem palavras, cheia de emoções e orgulhoso de mim mesma”, comemorou a atual 190 do mundo.

“Não foi fácil, Anastasia é uma grande jogadora. Eu sabia que hoje seria uma grande batalha, e foi. Estou tão feliz que consegui passar”, falou a canadense, que soma vários feitos na temporada, como se classificar para o seu primeiro Grand Slam, no Australian Open, e conseguir a primeira vitória sobre uma top 5, batendo a suíça Belinda Bencic na Fed Cup.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis