Notícias | Dia a dia
Clijsters não vê a hora de retornar às quadras
24/05/2020 às 11h55

Clisjters perdeu seus dois jogos no retorno, mas fez boas apresentações

Foto: Arquivo

Bree (Bélgica) - O retorno de Kim Clijsters ao circuito foi muito breve. A belga de 37 anos e dona de quatro troféus de Grand Slam disputou apenas dois torneios desde janeiro, quando retornou ao circuito profissional, mas não desanimou com a longa parada do tênis devido à pandemia do coronavírus.

"Quero continuar", garantiu em entrevista na página do Hall da Fama Internacional. "Se o US Open for acontecer, quero estar bem preparada e tentar algo. Tenho tantas recordações boas de lá", afirmou, referindo-se a seus três troféus em Flushing Meadows, em 2004, 2009 e 2010.

A ex-número 1 faz boa avaliação de sua nova tentativa de retorno, ainda que tenha sido derrotada tanto por Garbiñe Muguruza como por Johanna Konta. "Estava muito ansiosa e, para minha surpresa, não fiquei tão nervosa. Senti que tinha feito a escolha certa (em voltar ao tênis)". Clijsters ficou ausente por quase oito temporadas e teve mais dois filhos.

"Estou experimentando tudo de novo. O que mais gosto é daquela processo com o time antes de um torneio. Mesmo nos momentos de derrota ou de contusão, o grupo estava unido. Sempre conversamos e trocamos ideias. Isso é algo que realmente aprecio".

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva