Notícias | Dia a dia
Para Safin, Kyrgios tenta esconder 'um medo total'
02/06/2020 às 18h46

Buenos Aires (Argentina) - As polêmicas atitudes de Nick Kyrgios dentro e fora de quadra voltaram a ser assunto para um ex-jogador comentar. Na opinião do ex-número 1 do mundo Marat Safin, o jeito descompromissado de Kyrgios esconde um medo de vencer. Safin participou de uma live no Instagram com o treinador argentino Daniel Spatz.

"Kyrgios tem um grande potencial, mas o problema que ele tem é algo psicológico. Suponho que tenha a ver com sua juventude, porque dentro de quadra ele esconde por trás de uma máscara", disse Safin, já no fim da entrevista, ao ser questionado sobre o que ele acha do australiano.

"Ele aparenta ser muito relaxado e mais solto, mas por trás disso ele esconde um medo total. Ele precisa enfrentar o medo, assumir isso e poderia se tornar um grande jogador", avalia o vencedor de dois Grand Slam. "Não se trata de golpes ou de físico, é simplesmente a cabeça. Se ele quiser ser realmente grande, ele tem que trabalhar isso. Se não, vai sempre ficar entre 20 e 30 do mundo".

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Daniel Spatz (@coachdanielspatz83) em

Sobre outros nomes do tênis, Safin enalteceu Roger Federer: "Quando eu jogava com o Federer em 2001 e 2002, já pensava que ele poderia se tornar um grande jogador, porque tudo ele fazia melhor", lembrou o russo, que também destacou o já aposentado David Nalbandian: "Não entendo como ele não ganhou um Grand Slam. É um mistério. Ele é um grande lutador e guerreiro".

Safin também foi perguntado se ele chegou a ter ajuda de um psicólogo quando ainda jogava e o que é preciso fazer para melhorar no lado mental do esporte. Para o russo, é preciso encontrar um psicólogo sério e trabalhar também o lado espiritual, equilibrando a mente e a consciência.

Ainda enquanto falava sobre a preparação psicológica no esporte, o ex-número 1 também se lembrou de comentar sobre o quanto manter o foco na maneira certa de respirar afeta o físico de um atleta: "Quando você joga tênis, eles não ensinam a respirar. Se o ar for para o peito, a falta de oxigênio afeta negativamente as pernas. Eu só aprendi isso depois de jogar".

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva