Notícias | Dia a dia
Edberg aconselha Federer sobre momento de parar
12/08/2020 às 11h40

Londres (Inglaterra) - Um dos assuntos mais comentados e repetidos através dos últimos anos, o fim da carreira de Roger Federer ainda não está definido, embora o próprio tenista reconheça que não lhe resta tanto tempo, mesmo que continue motivado a seguir competindo. Para o sueco Stefan Edberg, que trabalhou com o suíço, o anúncio da aposentadoria deve ser bem pensado.

Em conversa no Tennis Podcast, o ex-treinador de Federer disse que o aconselhou a não anunciar sua aposentadoria com um ano de antecedência. “Conversamos um pouco sobre isso e eu não recomendaria a ninguém, mesmo que seja uma coisa legal de se fazer, pois coloca muita pressão em você e haverá muitas coisas acontecendo em sua mente”, afirmou Edberg.

“Se você vai anunciar o fim de sua carreira, eu o faria um pouco antes do meu último torneio. Posso até ter isso em minha mente há mais tempo, mas não para ninguém saber”, complementou o sueco, que foi um dos ídolos de infância de Federer, com quem trabalhou como técnico entre as temporadas de 2014 e 2015.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva