Notícias | Dia a dia
Tsitsipas: 'Gostaria de uma carreira como a de Roger'
08/03/2021 às 14h57

Roterdã (Holanda) - Novo número 5 do mundo, igualando sua melhor marca no ranking, o grego Stefanos Tsitsipas derrubou Roger Federer para fora do top 5 pela primeira vez em dois anos. Apesar de agora estar à frente do veterano de 39 anos, ele olha para o suíço como um modelo e espera conseguir uma carreira tão longeva e vitoriosa.

“Ninguém sabe o que vai acontecer no futuro, mas gostaria de uma carreira como a de Roger Federer. Não me refiro tanto às conquistas e sim ao fato de ter uma carreira tão longa quanto a dele. Meu objetivo é criar os melhores momentos e memórias possíveis dentro e fora da quadra”, afirmou o grego de 23 anos em entrevista para a DownTown.

“Quero olhar para trás e ver esses momentos me trazendo alegria, que eu sinta que dei meu melhor, que tive a oportunidade de aprender algo novo, que amadureci como atleta a cada dia”, complementou Tsitsipas, que parou nas semifinais do ATP 500 de Roterdã, na semana passada, superado pelo russo Andrey Rublev.

Porém, foi uma derrota para outro russo aquela que marcou mais este começo de temporada de Tsitsipas, caindo diante de Daniil Medvedev na semi do Australian Open. “Algumas derrotas doem mais do que as outras. Chegar às semifinais foi uma ótima notícia, algo muito valioso, mas honestamente eu estava mirando mais alto”, afirmou o grego.

“Não me trouxe tantas emoções como as anteriores, embora o resultado seja excelente. Aos poucos estou evoluindo e fico feliz por chegar a duas semifinais consecutivas de Grand Slam, isso vai me ajudar muito na pontuação e no ranking. Tenho que trabalhar muito, continuar construindo meu jogo para torná-lo mais completo, sem oferecer as fragilidades que Medvedev encontrou em mim”, observou Tsitsipas.

O grego espera continuar indo longe nos Slam para ganhar cada vez mais experiência em duelos contra os principais tenistas do circuito nestes eventos. “Naquele dia eu não estava pronto, não poderia enfrentá-lo. Sei que o Daniil será um rival com quem terei que me medir muitas vezes no futuro, em partidas importantes, por isso devo trabalhar para chegar ao nível necessário se quiser vencer este tipo de rival”.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva