Notícias | Beach Tennis
Copa das Federações de beach tennis começa sábado
29/10/2021 às 13h52

Equipe gaúcha é tricampeã da competição.

Foto: Divulgação/Arquivo

Florianópolis (SC) – Uma das competições de beach tennis mais emocionantes do Brasil está prestes a começar. A partir deste sábado, Biguaçu (SC) recebe a Copa das Federações, um torneio por equipes que vai apontar o Estado com os melhores atletas da modalidade no ano de 2021. Esta é a sexta edição do evento, que desta vez será realizado na Arena Maniacs, um dos maiores complexos de quadras de beach tennis do mundo.

A Copa das Federações de Beach Tennis de 2021 terá um recorde de Estados participantes, com a presença de 21 das 26 federações filiadas à Confederação Brasileira de Tênis. Com o esporte crescendo cada vez mais no país, algumas federações farão a sua estreia no evento, casos de Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Piauí, Mato Grosso e Pará. Ao todo, são 644 atletas.

As disputas são no estilo de grandes competições como a Copa Davis, a Billie Jean King Cup e a Copa do Mundo de Beach Tennis. Em cada confronto, as federações se enfrentam numa melhor de três partidas: a primeira entre as duplas femininas, depois entre as duplas masculinas e o terceiro jogo entre as duplas mistas. Sendo que cada Estado pode se inscrever em até sete categorias: Profissional, Amador A, Amador B, Amador C, Sub-14, +40 e +50.

O título de campeão geral é conquistado pela federação que apresentar melhor desempenho em todas as categorias, somando mais pontos. Até hoje, a Federação Gaúcha de Tênis é a maior vencedora do evento, com três títulos (2016, 2018 e 2019). A Federação Paulista de Tênis foi campeã uma vez, em 2017. Em 2015, ano de estreia do evento, não houve a entrega do prêmio de campeão geral.

Entre os atletas de destaque na competição estarão Samantha Barijan (ex-top 1 do mundo), Flavia Muniz (ex-top 10) e Thales Santos (ex-top 10 e tricampeão mundial com o Time Brasil BRB). Além deles, jovens talentos do beach tennis brasileiro estarão presentes, como Isadora Truz (RS) e Pedro Consiglio (AL), vice-campeões mundiais juvenis neste ano.

Comentários