Notícias | Dia a dia
Puig retorna ao circuito após duas cirurgias no ombro
28/04/2022 às 21h06

O último torneio que Puig havia disputado foi Roland Garros em 2020

Foto: Mutua Madrid Open

Madri (Espanha) - Convidada para a chave principal do WTA 1000 de Madri, Monica Puig disputa nesta semana seu primeiro torneio desde outubro de 2020 em Roland Garros. A porto-riquenha está com 28 anos e tem como ponto alto da carreira a medalha de ouro olímpica no Rio de Janeiro em 2016. Seu retorno ao circuito será nesta sexta-feira diante da norte-americana Danielle Collins, número 8 do mundo, por volta das 7h30 (de Brasília) na quadra Arantxa Sanchez.

O longo afastamento de Puig do circuito se deu por grave lesão no ombro direito, que exigiu dela a realização de duas cirurgias. A primeira foi em outubro de 2020 e a segunda em maio do ano passado, que também serviu para reparar o tendão do bíceps. E antes disso, ainda em 2019, ela já havia operado o cotovelo também. Por tudo isso, a ex-número 27 do mundo aparece atualmente sem ranking.

"Dizem que as coisas acontecem por uma razão", disse Puig em recente entrevista para o site da WTA. Enquanto estava sem competir, atuou como comentarista de TV. "Eu realmente não entendia a razão por trás das minhas lesões e estava tendo dificuldades para aceitar o que aconteceu. Mas isso realmente me deu uma nova motivação para voltar ao esporte. Se eu puder entrar na quadra em um Grand Slam e vencer algumas partidas, ou em qualquer torneio, seria uma vitória ainda maior para mim".

Caso supere a rodada de estreia em Madri, Puig enfrentará na segunda fase a canadense Bianca Andreescu ou a norte-americana Alison Riske, que também estreiam na competição nesta sexta-feira.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva