Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Após susto, Kvitova marca desafio com Badosa
30/06/2022 às 09h40

Londres (Inglaterra) - Depois de permitir incrível reação à adversária e escapar de dois set-points, a bicampeã Petra Kvitova confirmou seu favoritismo e derrotou a romena Ana Bogdan em sets diretos, com parciais de 6/1 e 7/6 (7-5).

Ela avança assim pela oitava vez para a terceira rodada de Wimbledon, um Grand Slam de altos e baixos em sua carreira, e vai desafiar a cabeça 4, a espanhola Paula Badosa, que enfim embalou duas vitórias na quadra de grama e tirou com facilidade a também romena Irina Bara, por 6/3 e 6/2.

Com seus poderosos golpes e um saque muito afiado, Kvitova chegou a ter 6/1 e 5/1 na partida, mas de repente diminiu a intensidade e viu Bogdan ganhar confiança. A tcheca de 32 anos chegou a ter match-point com o saque no 5/4, mas não confirmou e aí contou com o primeiro serviço para escapar de dois set-points no 5/6. A definição foi ao tiebreak e a história quase se repetiu. Kvitova abriu 3-1 e 5-3, permitiu empate e por fim finalizou. De seus 40 winners, 10 foram aces. Bogdan caiu com apenas sete erros não forçados.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Wimbledon (@wimbledon)

Badosa não vem em grande momento e sequer brilhou sobre o saibro, tendo caído cedo em Madri, Roma e Roland Garros. Na única preparação para Wimbledon, nem passou da estreia em Eastbourne. Mas nesta semana parece ter reencontrado a confiança e tirou em sets diretos Louise Chirico e Irina Bara. A espanhola de 24 anos fez oitavas no ano passado.

No único duelo entre elas, Kvitova ganhou de Badosa na segunda rodada do Australian Open de dois anos atrás. A participação da tcheca em Wimbledon foi imponente por cinco edições, com os títulos de 2011 e 2014, semifinal em 2010 e quartas em 2015 e 2016. Mas daí em diante ela só fez oitavas uma vez, em 2019. No ano passado, sequer passou da primeira partida.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Wimbledon (@wimbledon)

Comentários