Notícias | Outros
Juvenis de oito estados levam títulos no Brasileirão
31/07/2022 às 20h16

Estes foram os campeões e vices do Brasileirão GA+ em Uberlândia

Foto: Luiz Cândido/Divulgação CBT

Uberlândia (MG) - O Campeonato Brasileiro Infantojuvenil, o Brasileirão, terminou neste domingo. Tenistas da Bahia, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo conquistaram os títulos da chave GA+ nas categorias 12, 14, 16 e 18 anos, em simples e duplas.

O brasiliense João Vieira e a gaúcha Antonia Ferrarini comemoraram seus títulos de 18 anos. “Na final, hoje, comecei abaixo no primeiro set, consegui virar e vencer por 6/2 no terceiro set. Foi uma semana muito boa e fui melhorando o meu nível ao longo dos jogos. Estou muito feliz com esse meu principal título nos 18 anos, esse ano ainda não tinha ganhado nenhum torneio tão importante quanto esse. Gostaria de agradecer à minha equipe da Dumont Tennis e do Iate Clube de Brasília”, disse Vieira.

“Foi uma final muito esperada, estava com muita garra e vontade de ganhar. Foi uma conquista grande, estou muito feliz por ser minha primeira final em torneio brasileiro de peso e espero conseguir outras mais”, afirmou Antonia.

A disputa da chave GA+, de maior pontuação, teve início na terça-feira e terminou neste domingo. O Brasileirão começou com a chave GA, entre os dias 16 e 21. Em seguida, de 22 a 25, foi realizada a Copa das Federações, na qual São Paulo conquistou o título da competição entre federações.

“Conseguimos durante os 16 dias fazer uma competição bem organizada, com relação à programação e número de quadras cedidas pelo Praia Clube, deixando os jogadores mais confortáveis para darem o melhor dentro de quadra. Me chamou a atenção o nível de jogos, principalmente nos 12 e 14 anos, além de muitos jogadores novos fazendo as finais. A Copa das Federações também foi o ponto alto desses dias. Estamos muito satisfeitos com o resultado desse Brasileirão”, destacou Aristides Barcellos, diretor do torneio e vice-presidente da Confederação Brasileira de Tênis.

Participaram da competição 1.046 atletas. Durante os 16 dias de competição foram disputados 1.342 jogos, somando-se simples e duplas, com 1.800 bolas utilizadas, 6.500 garrafas de água de 500ml consumidas e 480 raquetes encordoadas.

Veja os resultados finais do Brasileirão:

12 anos
Bernardo Carvalho (RJ) d.Henrique Vialle (PR) – 6/4 6/3
Larissa Silenci (SP) d. Lais Euzebio (SP) – 6/3 6/1

14 anos
Guilherme Renner (RS) d. Luis Augusto Miguel (GO) – 6/0 7/5
Nauhany Silva (SP) d, Sofia Albieri (SP) – 6/1 6/0

16 anos
Nicolas Oliveira (RJ) d. Gabriel Godoy (BA) – 6/0 6/0
Luana Paiva (BA) d. Inae Costa (SC) – 6/4 7/6(4)

18 anos
João Vieira (DF) d. Ricardo Starosta (RS) – 7/5 4/6 6/2
Antonia Ferrarini (RS) d. Nicole Serraglio (PR) – 6/2 6/1

Campeões de duplas
12 anos - Enzo Prediger (SC)/Pedro Nastrini (MG) e Manuela Barrietti (SP)/Sofia Giancoli (SP)
14 anos - Luis Augusto Miguel (GO)/Diego Brito (SP) e Larissa Silenci (SP)/Nauhany Silva (SP)
16 anos - Erick Dutra Silva (RS)/Rafael Padilha (RS) e Mariah Tristão (SP)/Inae Costa (SC)
18 anos - Luigi Bassani (RS)/Ricardo Starosta (RS) e Maria Duarte (MG)/Bianca Bernardes (MG)

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva