Notícias | Dia a dia
Daniel cai em estreia equilibrada, Ribeiro fura quali
08/08/2022 às 20h03

Com vaga garantida na chave, Ribeiro busca vitória inédita em challenger

Foto: Arquivo

Lima (Peru) - A participação brasileira na chave principal do challenger de Lima, em quadras de saibro, começou com a derrota de Daniel Dutra da Silva em uma partida muito equilibrada. O experiente paulista de 34 anos chegou a ter um match-point, mas foi superado pelo argentino Renzo Olivo, cabeça 6 do torneio, por 3/6, 6/3 e 7/6 (7-3) em 2h25 de partida.

O primeiro set teve duas quebras a favor de Daniel e uma para Olivo, enquanto o segundo teve apenas uma quebra para o argentino, enquanto o brasileiro perdeu o único break-point que teve. Já a parcial decisiva teve duas quebras para cada lado e o brasileiro teve um match-point no serviço do argentino do quando liderava por 6/5. Olivo sacou aberto e partiu para a definição do ponto com o forehand, deixando Daniel na defensiva. Já durante o tiebreak, o argentino foi superior.

Em boa temporada no circuito, Daniel Dutra da Silva está atualmente com o melhor ranking da carreira, ocupando agora o 211º lugar, duas posições acima da marca ocupada na semana passada. Ele venceu 13 jogos em chaves principais de challenger na temporada e chegou às semifinais em Vicenza, na Itália, e Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia.

A boa notícia para o tênis brasileiro no torneio foi a vitória de Eduardo Ribeiro na rodada final do quali. O catarinense de 24 anos e 690º do ranking venceu o peruano Alexander Merino por 3/6, 6/2 e 6/4. Sua estreia na chave principal será contra o peruano Ignacio Buse, convidado de 18 anos e 761º do mundo. Em caso de vitória, ele desafiará o português Gastão Elias, cabeça 8. Ribeiro fará sua segunda participação em chaves principais de challenger e busca uma vitória inédita. 

Orlandinho e Boscardin também estão na chave
A chave principal ainda conta com dois atletas nacionais. O gaúcho Orlando Luz, 370º do ranking, estreia contra o equatoriano Roberto Quiroz, 255º colocado. Já o catarinense Pedro Boscardin, 296º, desafia o peruano Juan Pablo Varillas, cabeça 2 do evento e número 100 do mundo.

Dois brasileiros foram eliminados na rodada final do quali. Gabriel Sidney perdeu para o uruguaio Ignacio Carou por 6/3 e 6/1. Por sua vez, João Victor Loureiro foi superado pelo peruano Jorge Panta com parciais de 6/2 e 6/3.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva