Notícias | Dia a dia
Bencic avança e Serena recebe justas homenagens
10/08/2022 às 21h35

Serena se despediu do torneio canadense, enquanto Bencic enfrentará Muguruza

Foto: National Bank Open

Toronto (Canadá) - Em seu primeiro jogo desde que que está pronta para se despedir do tênis profissional, Serena Williams recebeu justas homenagens do público e dos organizadores do WTA 1000 de Toronto, torneio que já venceu em duas oportunidades e fazia sua última aparição antes da provável aposentadoria no US Open. A ex-líder do ranking enfrentou a suíça Belinda Bencic, número 12 do mundo, que fez valer seu maior ritmo de jogo e melhor momento no circuito, vencendo por 6/2 e 6/4 em 1h17 de partida.

Esta foi a segunda vitória de Bencic em quatro jogos contra Serena, repetindo um triunfo que havia acontecido também em Toronto na semifinal de 2015. "Foi um dia muito especial para mim. Eu nunca imaginei que poderia jogar tantas vezes contra a Serena, é sempre uma honra dividir a quadra com ela. Mas acho hoje é dia de falarmos dela, aqui em Toronto", disse a suíça na entrevista em quadra.

A próxima adversária de Bencic será a espanhola Garbiñe Muguruza, também ex-líder do ranking e atual número 8 do mundo, que venceu a estoniana Kaia Kanepi por duplo 6/4. A suíça tem uma vitória e uma derrota contra Muguruza no circuito profissional.

Logo após a partida, Serena deu um depoimento emocionado em quadra e foi aplaudida de pé. "Foram muitas emoções nas últimas 24 horas e eu sempre amei jogar aqui. Queria muito ter jogado melhor hoje, mas Belinda fez uma grande partida", disse Serena, que vinha de vitória sobre a espanhola Nuria Parrizas Diaz na estreia e agora segue para o WTA 1000 de Cincinnati. 

"Como eu escrevi no meu artigo, sou péssima em despedidas. Tenho ótimas lembranças daqui de Toronto, de dentro e fora da quadra. Fiz grandes partidas aqui, com muitas vitórias, teve um jogo maluco contra a Belinda há alguns anos. Estava muito feliz por jogar aqui hoje e quero voltar à cidade como visitante no futuro. Muito obrigada, do fundo do meu coração, foi um prazer jogar aqui em todos esses anos".  

Serena teve dificuldades para sacar durante o set inicial e sofria especialmente quando dependia do segundo serviço, em que venceu apenas um ponto em dez possívies. A norte-americana fez três duplas faltas e enfrentou break-points em quatro games distintos. Bencic conseguiu duas quebras e só correu algum risco quando sacava para fechar. A suíça precisou de cinco set-points e definiu a parcial depois de uma ótima mudança de direação na bola, um saque aberto e um winner de forehand na sequência. Ela fez o dobro de winners que Serena, 14 a 7, e cometeu só 6 erros contra 11.

O segundo set começou com domínio das sacadoras. Serena passou por três games de serviço com apenas um ponto perdido, mas não conseguia ameaçar o saque de Bencic. A suíça conseguiu a quebra no sétimo game e fez 4/3. Na sequência, manteve o serviço e ficou a um game da vitória. A ex-número 1 do mundo confirmou seu último game de saque na partida, mas Bencic não deu chances em seu serviço para fechar o jogo.

A suíça liderou a estatística de winners por 25 a 13 e cometeu 13 erros não-forçados contra 18 de Serena. Ela não teve o serviço quebrado, enfrentando só um break-point, e conseguiu três quebras na partida.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva