Notícias | Dia a dia
Halep e Kontaveit vencem estreias duríssimas
17/08/2022 às 00h20

Halep foi campeã do WTA 1000 de Toronto no último domingo e estreou em Cincy nesta terça

Foto: Divulgação

Cincinnati (EUA) - Campeã do WTA 1000 de Toronto no último domingo, Simona Halep estreou nesta terça-feira em Cincinnati e teve um jogo bastante complicado. A romena precisou de três sets e 2h11 para superar a jovem russa de 21 anos Anastasia Potapova, 54ª do ranking e que entrou na chave como lucky-loser, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/3. Potapova havia herdado um lugar no torneio após a desistência da tcheca Karolina Muchova, que sentiu uma lesão no punho direito.

Halep sentiu bastante o desgaste físico depois de ter vencido seis jogos na semana passada e estrear em outro torneio apenas dois dias depois. Ela chegou a precisar de massagens nas pernas durante as viradas de lado e constantemente fazia alongamentos nos intervalos entre os pontos. A partida teve 13 quebras de serviço, 7 a 6 para Halep, que teve o serviço facilitado pelas 10 duplas faltas da rival.

Agora número 6 do mundo depois de ter conquistado seu nono WTA 1000 da carreira, Halep terá pouco tempo de descanso. A experiente jogadora de 30 anos e ex-líder do ranking enfrenta na segunda rodada a russa Veronika Kudermetova, 20ª do ranking. A romena lidera o histórico por 3 a 0, com direito a uma vitória neste ano, na final do WTA 250 de Melbourne 1.

"Eu tive que lutar até o fim. Ela jogou muito bem, superou seus limites. Não fiz uma grande partida, eu estava um pouco cansada, mas é sempre bom terminar jogos assim com vitória", disse Halep, ainda em quadra. "Não é fácil recuperar o foco, porque você consome muita energia quando conquista um título, são muitos jogos duros em poucos dias. Mas eu queria vir para cá e lutar. Cada partida é importante e dei tudo o que tinha em quadra".

A romena comemorou o retorno ao top 10 e agradeceu aos fãs pelo apoio. "Eu tenho que aproveitar o que já consegui agora. Estou muito cansada para pensar nos próximos passos, mas tenho que pensar em um jogo de cada vez e ver até onde posso chegar. A torcida me ajudou muito e agradeço a eles por estarem aqui e me apoiando. É sempre bom ter a energia da torcida, eles me ajudaram a lutar mais".

Kontaveit escapa da derrota e já está nas oitavas
Em jogo válido já pela segunda rodada de Cincinnati, a número 2 do mundo Anett Kontaveit conseguiu uma importante virada para chegar às oitavas de final. Diante da tcheca Tereza Martincova, 71ª do ranking, a tcheca venceu por 3/6, 7/5 e 6/4 em 2h28. O jogo ainda teve uma longa interrupção por chuva durante o terceiro set.

Kontaveit chegou a estar perdendo o segundo set por 4/2, e também estava com quebra abaixo no terceiro, quando Martincova teve 4/3 e saque, mas venceu os últimos três games da partida e sobreviveu no torneio. Sua próxima rival pode ser Shuai Zhang ou Ekaterina Alexandrova.

Rogers e Garcia também chegam às oitavas
Em outro jogo de segunda rodada, a francesa Caroline Garcia fez valer sua ótima fase no circuito. Vencedora de dois títulos na temporada, a experiente francesa de 28 anos e 35ª do ranking venceu a grega Maria Sakkari, número 3 do mundo, por 7/6 (7-2), 6/7 (6-8) e 6/1. Esta foi a oitava vitória de Garcia contra top 5 na carreira e a segunda neste ano. Ela já havia vencido a número 1 Iga Swiatek em Varsóvia. Sua adversária nas oitavas pode ser a tcheca Karolina Pliskova ou a belga Elise Mertens.

Quem também está nas oitavas é a norte-americana Shelby Rogers. A jogadora 29 anos e 30ª do ranking estreou vencendo a compatriota Sofia Kenin por 6/2 e 6/1. Rogers enfrentaria na segunda rodada rodada outra tenista da casa, a 23ª colocada Amanda Anisimova. Entretanto, Anisimova mas sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo durante o jogo com Daria Kasatkina e desistiu do torneio. Dessa forma, Rogers agora espera pela vencedora entre Aryna Sabalenka e Anna Kalinskaya.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva