Notícias | Dia a dia
Nakashima, 21 anos, conquista em casa primeiro ATP
25/09/2022 às 22h40

San Diego (EUA) - Na quarta final totalmente americana da temporada, Brandon Nakashima aproveitou sua terceira oportunidade e conquistou um inédito troféu de nível ATP. Ele derrotou na final de San Diego, onde nasceu há 21 anos, Marcos Giran, com parciais de 6/4 e 6/4.

Nakashima falhou em duas finais disputadas no ano passado, nos ATPs de Los Cabos e de Atlanta, também sobre quadra sintética. Atual número 69 do ranking, ele já esteve no top 50 em julho e agora aparecerá no 47º, duas posições acima de sua melhor marca.

Ao mesmo tempo, ele solidifica sua posição no ranking que leva para o Next Gen Finals de Milão, em novembro. Ele continua na sexta posição, mas diminui muito a distância para Jack Draper, o quinto colocado. Se conseguir, será sua segunda participação consecutiva.

Na final deste domingo, Nakashima se saiu muito bem nos games de serviço e obteve a primeira quebra no quinto game do set inicial. Giron perdeu o saque logo na abertura do segundo set, reagiu no quarto e aí não ganhou ponto com o serviço e Nakashima só perdeu um ponto nos três serviços seguintes para fechar o placar.

Giron disputou sua primeira final de ATP. Ele ficou praticamente três anos fora do circuito devido a cirurgias sucessivas no quadril. Primeiro foi o lado direito, em 2015, e na temporada seguinte precisou operar o esquerdo. Desde então tem galgado o ranking, tendo chegado ao top 100 em agosto de 2020. O vice o levou do 58º para o 52º, três atrás de seu recorde pessoal.

San Diego foi o quarto ATP da temporada com final totalmente americana. Nakashima se junta a Taylor Fritz, Reilly Opelka e Maxime Cressy como campeões de seu país em 2022.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva