Notícias | Dia a dia
Com 3 viradas seguidas, Sakkari chega à semifinal
29/09/2022 às 16h17

Sakkari tenta alcançar sua terceira final na temporada

Foto: Daniele Combi/MEF Tennis Events

Parma (Itália) - A campanha de Maria Sakkari no WTA 250 de Parma segue com jogos bastante equilibrados. Pela terceira vez na semana, a grega saiu atrás no placar, mas conseguiu a virada para chegar à semifinal. Sakkari superou nesta quinta-feira a a belga Maryna Zavevska por 2/6, 6/4 e 6/4 em 2h20 de partida.

"Todos os jogos aqui foram duríssimos, tive que lutar muito. Mas é o único jeito de fazer com que o meu nível de tênis volte ao patamar que eu gostaria", disse Sakkari, que já venceu a ucraniana Kateryna Baindl e a holandesa Arantxa Rus nas fases iniciais.

Na partida desta quinta-feira, tanto Sakkari quanto Zanevska conseguiram seis quebras de serviço e fizeram 30 winners cada uma. A grega até cometeu mais erros não-forçados, 22 contra 16, e fez menos pontos no total, 89 contra 97 da belga. Entretanto, foi superior no último set, ao conseguir três quebras.

Apesar de ser a número 7 do mundo, Sakkari é apenas a décima na corrida por uma vaga no WTA Finals. "É uma das minhas metas e o que estou tentando alcançar. É uma meta realista e que eu queria muito, mas mesmo que eu não alcance é um bom ano para mim, e espero que o próximo seja ainda melhor".

Em busca de uma vaga na sexta final da carreira e terceira na temporada, Sakkari enfrentará a montenegrina Danka Kovinic, 78ª do ranking, que venceu a italiana Jasmine Paolini por duplo 6/4. Kovinic lidera o histórico por 2 a 1.

Do outro lado da chave, a romena Ana Bogdan e a egípcia Mayar Sherif seguem em busca de um título inédito no circuito. Elas nunca se enfrentaram anteriormente. Bogdan, de 29 anos e 53ª do ranking, venceu a compatriota Irina Begu por 6/2 e 7/6 (8-6). Já Sherif, 74ª colocada aos 26 anos, passou pela norte-americana Lauren Davis por 7/6 (7-2) e 6/3.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva